Pré-carregador

A Carregar

imagem

Fazer o Curriculum Vitae quando não tens experiência

Terminaste os teus estudos e queres dar um novo rumo à tua vida?

Então este é o momento!

Lê este artigo sobre como fazer um currículo quando não tens experiência para conseguir uma entrevista!

Neste artigo, vamos falar sobre:

  1. As Vagas
  2. Currículo para pessoas sem experiência
  3. Estrutura de um Currículo
  4. O que não deves colocar no teu currículo
  5. Currículo para primeiro emprego
  6. Exemplo de Curriculum Vitae
  7. 5 exemplos de Curriculum Vitae para usar se não tiveres experiência
  8. Pronto para fazer o Currículo sem experiência?
Publicidade

As Vagas

Antes de mais nada, tens de ter a certeza que estás a selecionar as oportunidades de emprego certas.

Não vale a pena aprenderes a fazer um Curriculum Vitae para em seguida enviares para empresas que estão à procura de um perfil diferente.

Assim, para saberes mais sobre este assunto, lê este artigo sobre as melhores formas para procurar emprego.

Currículo para pessoas sem experiência

Como fazer um curriculo tendo pouca experiência
Como fazer um curriculo tendo pouca experiência

Para quem não sabe, o Curriculum Vitae é um documento que contém:

  • Os teus dados;
  • A tua formação;
  • Experiência profissional.

Mas, para ti que não tens experiência, não desanimes!

Isso porque vamos explicar-te todos os pontos necessários para conseguires fazer um bom currículo.

Assim sendo, estás pronto para te candidatar ao primeiro emprego?

Estrutura de um Currículo

Vários curriculos
Vários curriculos

Antes de mais nada, enumeramos alguns aspetos a considerar no preenchimento do teu currículo.

Para saberes sobre CV, lê sobre o que é e como fazer um.

Primeiramente, convém que o teu currículo esteja bem estruturado e siga estes tópicos:

1. Dados pessoais

Neste campo, coloca:

  • Nome;
  • Data de nascimento;
  • Morada;
  • Número de telemóvel;
  • Email.

2. Objetivo

Deves mencionar qual o teu objetivo profissional, mediante as tuas qualificações.

Por exemplo:

  • Se tens formação na área informática, podes colocar que procuras emprego na área logística ou administrativa.

3. Formação Académica

Formação
Formação

Assim, aqui deves descrever qual:

  • O teu último grau de escolaridade;
  • O nome da escola que frequentaste;
  • Nome do curso que tiraste;
  • As datas de início e fim.

Contudo, caso não tenhas acabado ainda o curso, coloca a data de previsão de término.

4. Idiomas

Descreve quais os idiomas que consegues falar, como por exemplo:

  • Inglês;
  • Francês;
  • Alemão;
  • Outras.

Este é um aspeto bastante valorizado pelas empresas por isso deves certamente aposta num curso de línguas!

5. Informática

Informática
Informática

Nesta parte, deves mencionar as ferramentas que possuis conhecimento, por exemplo:

  • Trabalhar com o Word;
  • Excel;
  • PowerPoint;
  • Internet.

6. Formação Complementar

Caso tenhas feito outras formações, deves certamente colocá-las no teu currículo.

Por exemplo:

  • Cursos de curta duração;
  • Formações profissionais;
  • Cursos Online.

7. Voluntariado e outras informações

Voluntariado
Voluntariado

Aproveita este espaço para descrever, por exemplo:

  • Disponibilidade para deslocações;
  • Disponibilidade para mudar de residência;
  • Viatura própria;
  • Experiências internacionais, como o Erasmus;
  • Trabalhos de voluntariado, como por exemplo:
    • Banco Alimentar;
    • Associações de Ajuda;
    • Apoio aos Animais.

8. Documentos

Por fim, podes anexar ao final do teu currículo os documentos que aches relevantes.

Assim, alguns exemplos são:

  • Certificados de cursos;
  • Workshops.

Estes, além de comprovarem que frequentaste esses eventos ou cursos, são sempre uma mais valia para completar o teu CV.

O que não deves colocar no teu currículo

Mau CV
Mau CV

Da mesma forma que falámos do que deves colocar, vamos descrever o que não deves colocar no teu currículo:

  • O teu número de identificação pessoal;
  • Nada de colocar o nome dos teus familiares:
    • Pais;
    • Filhos;
    • Marido ou esposa.
  • Valores salariais;
  • Data e assinatura;

Cuidado com a criatividade

Além disso, não esquecer que Currículos artísticos são um ponto chave.

Contudo, currículos com:

  • Muitos desenhos;
  • Fundos coloridos muito intensos;
  • Falta de coordenação e harmonia.

Podem fazer com que o teu currículo perca valor.

Assim, às vezes é melhor que mantenhas o teu currículo o mais formal possível.

Outros aspetos a ter em conta

Para além dos já mencionados anteriormente, deves ainda ter em conta alguns aspetos.

1. Erros ortográficos

Reler
Reler

Num processo de recrutamento, o teu Curriculum Vitae será analisado com alguma atenção.

Dessa forma, uma das falhas mais graves que podes cometer são os erros ortográficos.

Não somos perfeitos, mas podes tomar algumas medidas para garantir que o teu currículo esteja livre de erros evitáveis.

Algumas dessas medidas podem ser, por exemplo:

2. Currículo mal formatado

Certamente é extremamente importante que tenhas um Curriculum Vitae bem escrito.

No entanto, também é importante que ele esteja bem formatado.

Assim, deves tens de ter em atenção os seguintes detalhes:

  • Estilo simples, mas visualmente satisfatório;
  • Destacar as informações mais importantes, como por exemplo:
    • Informações de contacto;
    • Maiores sucessos.
  • Organizar o currículo para fácil leitura;
  • Não escrever mais de duas páginas.

3. Incluir informação falsa

Isto é algo que deves evitar fazer porque a probabilidade de seres apanhado é grande.

O empregador vai testar as competências que identificares no currículo para, desse modo, garantir que estás apto a desempenhar determinada função.

Se não as tiveres, então rapidamente irás perder a tua oportunidade.

4. Incluir informação incorreta

Além disso, também é preciso ter em atenção as informações pessoais incorretas.

Por exemplo, se te enganares a escrever o número de telefone ou endereço de email, não vai ser possível que a empresa entre em contacto contigo.

Portanto, verifica tudo múltiplas vezes!

Currículo para primeiro emprego

Se estás a pensar candidatar-te ao teu primeiro emprego, há alguns fatores a ter em conta.

Para saberes onde procurar emprego, sabe mais sobre as melhores empresas de recrutamento.

O que colocar no CV?

Se não tens experiência profissional, não há problema.

Foca-te nas qualidades que adquiriste até este ponto da tua vida. Educação, formações, voluntariados, soft skills – tudo isto acrescenta valor ao teu currículo. 

Inclui as competências que as tuas experiências te deram. Por exemplo:

Voluntariado Festival de Cinema Caminhos
novembro de 2019 – dezembro de 2019
– Receber e acompanhar convidados
– Venda de bilhetes
– Atendimento ao cliente

Que hobbies colocar no CV?

Hobbies
Hobbies

Descrever o que fazes nos teus tempos livres é uma boa maneira de dar a conhecer mais sobre ti.

Podes incluir atividades que estejam de alguma forma relacionadas com o cargo a que te candidatas.

Se queres trabalhar na área de cinema, podes incluir a escrita de guiões no teu CV. 

Que soft e hard skills incluir?

Tenta relacionar as tuas competências com o cargo.

Verifica o que é comum procurarem num candidato na tua área e menciona no teu CV o que se aplica a ti.

Se tens formação na área de informática, por exemplo, será útil incluir que linguagens de programação sabes utilizar.

Exemplo de Curriculum Vitae

Na prática e seguidamente dos dados referidos cima, o formato de currículo vai ficar algo deste género:


Nome:
Morada:
Telemóvel:
E-mail:
Data de nascimento:

Objetivo
Administrativa

Formação Académica
Escola Superior de Administração – 2000 a 2004

Idiomas
Português
Inglês

Conhecimentos de Informática
Bom domínio da internet
Informática na óptica do utilizador: Word e Excel

Formação Complementar
Curso de Inglês – 2004
Curso de Contabilidade e Fiscalidade – 2005

Voluntariado e outras informações
Voluntária na Associação de Animais Abandonados;
Workshop Coaching


5 exemplos de Curriculum Vitae para usar se não tiveres experiência

Por fim, achamos que seria importante revelar alguns exemplos concretos de currículos.

Vale referir que, se pesquisares na internet, encontrarás certamente diversos tipos de currículos que podes aproveitar.

Por exemplo, através do Word, consegues pesquisar vários formatos de currículos, dos quais podes adaptar os que achares melhor.

Para veres ainda mais modelos, lê sobre curriculum vitae online.

Exemplo 1

Currículo 1
Currículo 1

Exemplo 2

Currículo 2
Currículo 2

Exemplo 3

Currículo 3
Currículo 3

Se quiseres obter alguns destes templates, clica aqui.

Pronto para fazer o Currículo sem experiência?

Curriculum
Curriculum

Agora que já tens as dicas que necessitas para fazer um currículo com pouca experiência, é altura de te inspirares e começares a construir o teu currículo.

Se já tens um currículo e apenas quiseres atualizá-lo, clica aqui.

Boa sorte para o teu futuro profisssional 😊

Publicidade

deixe o seu comentário


O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Carregando
Mudança de Cor